SSD | SSD 960GB, 1920GB, 480GB, 240GB, 128GB e mais | PC Xpress

SSD

SSD

SSD (Solid State Drives) é uma nova oferta de armazenamento que oferece maior velocidade, entre outros benefícios. Considerando o desenvolvimento de drives HD tradicionais, os SSDs estão presentes em laptops mais novos e até em telefones celulares.

A nova forma de armazenar informações é o que torna o componente mais rápido e silencioso do que os HDs.  Nesse caso, os SSDs consistem em chips de memória flash onde os dados são registrados por uma corrente elétrica.
Diferenças entre SSD e HD
Os SSDs armazenam informações de eletricidade. O ‘sólido’ do seu nome não é em vão, porque na realidade não existe nenhum mecanismo que se mova no seu compartimento.Nos HDs existe um braço que se move em busca de informações do disco rígido. Você já ouviu falar que ao mexer no computador ou notebook não pode fazer movimentos bruscos?Esse alinhamento se deve a este braço e também ao disco de metal no qual as informações são armazenadas. Como os CDs, o disco HD gira constantemente e movimentos bruscos podem causar danos irreversíveis.

Esse fator é uma das vantagens de um SSD. A falta de peças mecânicas torna este hardware muito silencioso. Afinal, nada gira ou não se move. Isso significa que o componente não consome tanta energia quanto um disco rígido e esquenta ainda menos, reduzindo ainda mais o risco de danificar o PC.

Embora o gravador e o HD tonearm rodem em alta velocidade, nada se compara a uma corrente elétrica. Como resultado, os SSDs podem processar e armazenar informações com muito mais rapidez – um SSD Intel de 960 GB requer 500 Mbit/s para gravar e 490 Mbit/s para ler dados. Isso significa que iniciar o computador e abrir o navegador é muito mais rápido se você tiver um SSD.

Vantagens do SSD
Os SSDs sempre pesam menos do que os discos rígidos, mesmo os mais portáteis; reduz o consumo de energia; pode operar em ambientes mais quentes do que discos rígidos (cerca de 70 ° C); e, por fim, lê e grava com mais rapidez, com aparelhos com 250 MB/s de gravação e 700 MB/s de leitura.

Mas nem tudo é uma flor para o SSD. Velocidades baixas ainda são muito caras, com valores muito superiores a HD. A capacidade de armazenamento também é uma desvantagem, pois é menor que a dos discos rígidos. De qualquer forma, eles são considerados a tecnologia do futuro, já que esses fatores negativos podem ser removidos com o tempo.

Obviamente, é apenas uma questão de tempo para que as empresas que investem em tecnologia possam cortar custos e baixar os preços.

Os SSDs se tornaram mais acessíveis ao longo do tempo, um resultado esperado da inovação tecnológica e da livre concorrência, mas ainda são relativamente caros em comparação com os discos rígidos. Em termos de custo por GB, o HDD continua a reinar como a principal opção para quem busca armazenar o máximo de dados possível.

Quanto custa um SSD?
As empresas mais conhecidas tendem a ter preços mais altos. Lembre-se de que o valor de um SSD dependerá de certas especificações, como modelo, capacidade e taxas de velocidade. Um disco rígido convencional de 500 GB custa entre R $ 150 e R $ 200, dependendo da marca e do modelo. Um SSD de 128 GB, um dos mais populares do mercado, custa em média entre R $ 350 e R $ 900, dependendo da marca e do modelo.

Os dispositivos mais “espaçosos” sempre têm um valor alto, então muitos consumidores acabam optando por comprar SSDs de capacidades menores.

Para valer a pena o investimento, é importante saber como aproveitar bem o seu precioso espaço em disco. O ideal é usá-lo apenas para usar o sistema operacional, aplicativos e outros arquivos que são acessados diariamente e que envolvem muita leitura e gravação de dados.

Se você precisar armazenar arquivos grandes que não são usados com frequência, o uso de um SSD não é recomendado. Filmes, fotos e outros arquivos que ocupam mais espaço podem ser armazenados em Hybrid HD ou na nuvem.

Grid List

Exibindo 1–15 de 26 resultados